Definições de caldeiras, vasos de pressão e tubulações

Provavelmente você já ouviu falar muito de NR13, caldeira, vasos de pressão e tubulações, porém, você sabe do que se trata todos esses nomes e termos? Pois bem, vamos explicar detalhadamente:

NR13

Antes de saber tudo sobre caldeira, vasos de pressão, tubulações e afins; você precisa saber primeiro o que é NR13. A NR13 (Norma Regulamentadora N° 13) se define como normas regulamentadoras editadas pela Secretaria de Segurança e Saúde do Trabalho, as quais determinam vigências legais a respeito de segurança no trabalho, higiene e medicina do trabalho. No total são 28 normas que as empresas da área de mecânica e elétrica em geral precisam cumprir para estarem legais no mercado, e isso vai desde aspectos de utilizações corretas de equipamentos de segurança no trabalho (principalmente se ele for de risco) à gestão de segurança em sistemas de geração de energia de máquinas em uma empresa.

Caldeira

De acordo a Norma Regulamentadora nº 13 (NR13), podem serem definidas da seguinte forma, respectivamente:
Tubulações: Conjunto formado por diversas linhas que compõem acessórios projetados para dar vida á códigos específicos, e esses códigos específicos geralmente são destinados á transportes de fluídos entre os equipamentos de uma única empresa que possui caldeiras ou vasos de pressão.
Caldeiras a vapor: Normalmente, a maioria das caldeiras são movidas à vapor, porém nem todas dependem de vapor. As que são movidas à vapor são destinadas apenas à esse fim, acumulando vapores sob pressão superior à atmosférica, necessitando apenas de qualquer fonte de energia, sendo eles projetados devidamente conforme códigos pertinentes á esta modalidade.
Vasos de pressão: São equipamentos automotizados, os quais contêm fluídos sob pressão interna ou externa de uma caldeira ou máquina, diferente da atmosférica.

No geral, as caldeiras são divididas em três categorias, sendo elas A, B e C, e todas elas se enquadram uma nas outras, dependendo da pressão da operação.
Vasos de Pressão

Os vasos de pressão geralmente são classificados em quatro categorias, e estão de acordo com a classe do fluído e o seu potencial de risco classificado. Portanto, os fluídos que contém nos vasos de pressão são sempre classificados de acordo com as seguintes classes, respectivamente:
Classe A: Inclui fluídos tóxicos, combustíveis e inflamáveis. Além de hidrogênio e acetileno.
Classe B: Fluídos combustíveis e tóxicos.
Classe C: Vapor de água e gases comprimidos.
Classe D: Fluído de V.P. com pressão máxima de operação. Geralmente são divididos em cinco subgrupos com duas categorias que se enquadram em outros fluídos sob a condição da vácuo.

Tubulações

A Norma Regulamentadora nº 13 não disponibiliza uma definição assertiva e necessária sobre o que vem a ser uma tubulação.
No entanto, explica que todo estabelecimento ou empresa que faça uso de tubulações, sistemas de tubulação ou ainda linhas devem possuir as seguintes documentações exigidas:

  • PAR em conformidade com os itens 13.3.6 e 13.3.7 da NR-13;
  • Fluxograma de engenharia com a identificação da linha e seus acessórios;
  • Especificações aplicáveis às tubulações ou sistemas de linhas, necessárias ao planejamento e execução da sua inspeção;
  • Relatórios de inspeção em conformidade com o item 13.6.3.9 da NR-13.

Quero Saber os Próximos Cursos

Cursos NR13  Vasos de Pressao © 2016. Todos os direitos reservados.

Termos de Uso e Política de Privacidade E-mail: mundialcurso@gmail.com  |  contato@mundialcursos.com.br Telefones:(19)3387-0794-Claro:(19)99322-8384-Tim:(19)98133-4463